Como evitar inflamações frequentes e dor de garganta?

Saiba mais sobre a história da clínica e o que podemos fazer por você

Algumas atitudes equivocadas podem causar problemas de inflamação e dor na garganta, gerando dor e desconforto, mas podem ser evitadas com ações simples.

Quem nunca passou por uma crise de dor na garganta? São muito chatas e incomodam bastante, não é mesmo? A causa dessa dor pode ser amigdalites ou faringites, resultado geralmente de inflamações causadas por vírus ou bactérias nessas estruturas, que se situam no fundo da boca. Entre os principais sintomas dessa enfermidade, existe a febre alta, sensação de secura e a dificuldade para deglutir.

Saiba como evitar inflamações frequentes e dor na garganta

Seguem aqui algumas dicas para evitar inflamação e dor frequente na garganta:

Partilhas e Spray

É comum observamos que muitas pessoas apelam para sprays ou pastilhas analgésicas quando sentem um pouco de desconforto na garganta ou querem prevenir esta condição. Mas, de fato, resolvem o problema?

Bom, eles podem melhorar transitoriamente, com alívio imediato, trazendo uma sensação de refrescância. Mas, passado o efeito, a dor volta, muitas vezes, até pior, pois você pode ter forçado a região, achando que o problema foi resolvido. Essa solução muito mais “maqueia” a situação do que resolve de fato.

Remédios caseiros

Às vezes alguns remédios podem aliviar os sintomas, mas também não curam o problema. Chás naturais ajudam temporariamente, mas é fundamental que o médico otorrinolaringologista verifique se a enfermidade realmente passou.

Ar condicionado

Evitar o excessivo uso de ar condicionado pode ser uma boa maneira de prevenir dores na garganta. Devido ao ar muito seco e as bruscas mudanças de temperatura, pode ocorrer uma inflamação das mucosas das narinas e da faringe. Se você ficar muito tempo exposto ao ar condicionado, busque amenizar os efeitos bebendo bastante água e hidratando as narinas com soro fisiológico.

Respiração errada

Às vezes, podemos ser afetados por uma faringite não infecciosa por respirar pela boca. Essa hábito prejudica muito a garganta. O nariz existe para filtrar, aquecer e umedecer o ar.

Na respiração pela boca o ar não passa por qualquer tratamento antes de atingir a faringe. Dessa forma, ele rouba calor e umidade dessa região, que não é preparada para isso e pode sofrer irritação. Consulte um otorrino para descobrir a causa dessa respiração pela boca e iniciar o tratamento o quanto antes.

Esperamos que estas dicas tenham ajudado e esclarecido sobre como evitar inflamações frequentes e dores de garganta. A Clínica Otorhinos preza por sua saúde e bem estar. Cuide-se e previna-se.

Evite a automedicação. Caso apresente algum desses sintomas, procure um otorrino para avaliação clínica.

Confira outros artigos relacionados a otorrinolaringologia em nosso BLOG – Acesse aqui.